Fundação de Ação Social de Curitiba

Skip Navigation Links

Seizo Watanabe, 94 anos, ensina japonês para maiores de 60

  • Seizo Watanabe, 94 anos, ensina japonês para maiores de 60  01
  • Seizo Watanabe, 94 anos, ensina japonês para maiores de 60 02
Publicado em 09/09/2019 Imagem: Ricardo Marajó/FAS imagem conteudo

Seizo Watanabe, 94 anos, ensina japonês para maiores de 60 01

Aprender uma língua estrangeira depois dos 60 anos é opção para quem frequenta o Centro de Atendimento ao Idoso (Cati), da Praça Ouvidor Pardinho, no bairro Rebouças. São cinco línguas: japonês, italiano, francês, inglês e espanhol.

As aulas de línguas fazem parte da grade de atividades ofertadas para estimular o corpo e a mente. No Cati tem ainda ioga, meditação, lian gong, dança, artesanato e tai chi chuan, que movimentam o espaço de segunda a sexta-feira.  

Atualmente, são atendidos mais de 200 idosos, moradores dos bairros da Regional Matriz. A maioria foi encaminhada por recomendação médica ou pela FAS.

“São pessoas que já se aposentaram, criaram filhos e buscam novos desafios ou uma atividade para espantar a solidão”, diz Rosane de Carvalho Contin, técnica de referência do Cati.

Os professores

Aos 94 anos, Seizo Watanabe frequenta duas vezes por semana as aulas de japonês como professor voluntário. Ele é o mais velho dos 13 voluntários do Cati. O professor tem duas turmas, uma de japonês avançado e outra de iniciante.

As aulas de inglês como o professor Carlos Guinller são as mais disputadas e animadas. Com um método que mistura música, fatos históricos e culturais, Guinller ajuda a ativar a memória dos alunos.

“Com a música consigo trabalhar o vocabulário e procuro contextualizar o período, abordando política, cultura e outros elementos que ajudam os alunos a relembrarem épocas passadas”, fala o professor.

Para as amigas Sara Basi e Nilsa Vicari, as aulas são muito mais que um novo universo linguístico. “Aqui aprendemos a respirar, a ouvir e a relembrar a vida”, disse Sara.

No italiano, aluna vira professora

A atual professora de italiano, Darcy Paula Bitencourt, já foi aluna no Cati. Além da Ouvidor Pardinho, ela também ensina a língua voluntariamente para alunos de escolas do município de Colombo.

Darcy ainda aproveita o Cati como aluna de inglês. “Não gosto de ficar em casa, ocupo meu tempo com coisas que gosto de fazer e ensinar e aprender são algumas delas”, disse.

 

Serviço: Centro de Atividades para Idosos

Endereço: Praça Ouvidor Pardinho, entre as ruas 24 de Maio e Nunes Machado - Rebouças
Telefone: 3321 2701

Fundação de Ação Social

Rua Eduardo Sprada, 4520|3350-3500|CEP 81270010|Curitiba - PR|Todos os direitos reservados|Política de Privacidade

Desenvolvido por ICI - Instituto das Cidades Inteligentes