Fundação de Ação Social de Curitiba

Skip Navigation Links

Comunidade pode aprender Libras em curso gratuito da Prefeitura

  • FAS e CIEE ampliam parceria para oferta do curso de Libras 01
  • FAS e CIEE ampliam parceria para oferta do curso de Libras 02
  • FAS e CIEE ampliam parceria para oferta do curso de Libras 03
  • FAS e CIEE ampliam parceria para oferta do curso de Libras 04
  • FAS e CIEE ampliam parceria para oferta do curso de Libras 05
  • FAS e CIEE ampliam parceria para oferta do curso de Libras 06
  • FAS e CIEE ampliam parceria para oferta do curso de Libras 07
  • FAS e CIEE ampliam parceria para oferta do curso de Libras 08
  • FAS e CIEE ampliam parceria para oferta do curso de Libras 09
  • FAS e CIEE ampliam parceria para oferta do curso de Libras 10
  • FAS e CIEE ampliam parceria para oferta do curso de Libras 11
Publicado em 12/03/2019 Imagem: Ricardo Marajó/FAS imagem conteudo

FAS e CIEE ampliam parceria para oferta do curso de Libras 01

A Prefeitura agora oferta para toda a comunidade o curso de Língua Brasileira de Sinais (Libras) na sede da Assessoria de Políticas para Pessoas com Deficiência, no Cristo Rei, e 60 pessoas participam das duas primeiras turmas. Até então o curso, que é gratuito, só era realizado no Instituto Municipal de Administração Pública (Imap).

“Essas novas turmas representam a ampliação das ações feitas pela FAS Trabalho e o Centro de Integração Empresa-Escola (CIEE), um grande parceiro do programa Liceus de Ofícios desde 2017”, explica o superintendente do Trabalho e Emprego da FAS Trabalho, Fabiano Vilaruel.

O curso de Libras passou a ser ofertado pelo programa em janeiro de 2018. Desde então foram 18 turmas abertas.

Neste ano, serão ofertadas mais quatro turmas, em três níveis, totalizando 180 vagas. Para participar é preciso se cadastrar no portal Aprendere.

Pai de um jovem autista, o psicólogo Eduardo D´Amico, 31 anos, viu no curso a inclusão que sempre buscou. “O curso de Libras é muito importante, sem essa informação a própria sociedade exclui essas pessoas. Meu filho tem 19 anos e sei o quanto a inclusão e o conhecimento sobre o assunto são importantes”, disse.

Na turma está também a aposentada Neiva de Fátima Dias, 53 anos, que perdeu a visão há cinco anos em função de uma doença autoimune. Ela faz o curso acompanhada da intérprete Sônia Calixto. “Eu preciso ser mais forte que a minha deficiência visual, ela não pode me impedir de aprender”, afirma.

Neiva, que luta pela inclusão, acredita que o conhecimento de Libras não deve ser restrito apenas às pessoas com deficiência, mas a toda sociedade.

Programação

As duas novas turmas terão aulas de nível básico, duas vezes na semana, pela manhã e tarde. O conteúdo traz o alfabeto manual; números ordinais e cardinais; saudações, calendário, meses do ano, dias da semana; horas, sinais referentes ao calendário, datas comemorativas, cores e família.

A Assessoria de Políticas para Pessoas com Deficiência fica na Rua Schiller, 159, no Cristo Rei, e conta com uma Central de Libras. A unidade oferece também acompanhamento socioassistencial, jurídico, de saúde.

Participaram da aula inaugural do curso, realizada nesta terça-feira (12/3), a assessora dos Direitos da Pessoa com Deficiência, Denise Maria Amaral de Oliveira Moraes, e a assessora de gabinete Débora Hagemeyer.

 

Fundação de Ação Social

Rua Eduardo Sprada, 4520|3350-3500|CEP 81270010|Curitiba - PR|Todos os direitos reservados|Política de Privacidade

Desenvolvido por ICI - Instituto das Cidades Inteligentes