Fundação de Ação Social de Curitiba

Skip Navigation Links

FAS orienta sobre serviços disponíveis para pessoas em situação de rua

  • Panfletagem orienta população sobre os serviços oferecidos pela Prefeitura 01
  • Panfletagem orienta população sobre os serviços oferecidos pela Prefeitura 02
  • Panfletagem orienta população sobre os serviços oferecidos pela Prefeitura 03
  • Panfletagem orienta população sobre os serviços oferecidos pela Prefeitura 04
  • Panfletagem orienta população sobre os serviços oferecidos pela Prefeitura 05
  • Panfletagem orienta população sobre os serviços oferecidos pela Prefeitura 06
  • Panfletagem orienta população sobre os serviços oferecidos pela Prefeitura 07
  • Panfletagem orienta população sobre os serviços oferecidos pela Prefeitura 08
  • Panfletagem orienta população sobre os serviços oferecidos pela Prefeitura 09
  • Panfletagem orienta população sobre os serviços oferecidos pela Prefeitura 10
  • Panfletagem orienta população sobre os serviços oferecidos pela Prefeitura 11
  • Panfletagem orienta população sobre os serviços oferecidos pela Prefeitura 12
Publicado em 05/02/2019 Imagem: Ricardo Marajó/FAS imagem conteudo

Panfletagem orienta população sobre os serviços oferecidos pela Prefeitura 01

A Fundação de Ação Social (FAS) deu um novo passo para ajudar pessoas em situação de rua e o restante da população a conhecer e acionar os serviços destinados a quem não tem onde morar. Pelas ruas da cidade, técnicos do órgão distribuem dois tipos de folhetos informativos: um para quem precisa de atendimento e outro para quem pode contribuir.

Os folhetos estão chegando às mãos de pedestres, taxistas, comerciantes, condomínios, igrejas. Escolas e universidades também serão incluídas no roteiro de distribuição.

Na manhã desta terça-feira (5/2), a ação aconteceu nas imediações da Praça Rui Barbosa, um dos pontos da cidade que mais concentram pessoas em situação de rua.

Os impressos destacam o endereço eletrônico da Central 156, o www.central156.org.br, serviço para a população comunicar a localização de pessoas em situação de rua. “Nosso objetivo é que, ao ver alguém desorientado ou dormindo em local inapropriado, qualquer pessoa nos acione preferencialmente pela Central 156”, diz a coordenadora do Resgate Social da FAS, Vanessa Resquetti Pereira.

Os serviços da FAS também estão listados no material. Entre eles, o Expresso Solidariedade, veículo da Prefeitura onde voluntários servem refeições gratuitas, e o Disque Solidariedade, de arrecadação de roupas e móveis repassados a cidadãos que vivem em vulnerabilidade social.

Já o impresso destinado às pessoas em situação de rua também informam sobre o atendimento do Consultório na Rua (unidade móvel de atendimento da Secretaria Municipal da Saúde), da Casa da Acolhida e do Regresso (para migrantes ou itinerantes em busca de albergagem ou passagens para retorno à cidade de origem), além dos espaços de convivência conhecidos como Centros Pop. Para quem teve direitos violados, estão disponíveis os endereços e os telefones dos Centros de Referência Especializados da Assistência Social (Creas).

A técnica da FAS destaca que o órgão também dispõe de casas de passagem para pernoite e demais serviços especialmente estruturados para o segmento. “A população de Curitiba pode ajudar muito ao compartilhar conosco informações precisas e, assim, fazer com que a ajuda chegue mais rápido”, explica.

Esclarecimento

Funcionário da área administrativa de um cursinho pré-vestibular da Rua Senador Alencar Guimarães, Maicon de Lima Soares gostou da iniciativa. “Toda a orientação é bem-vinda pra quem trabalha nessa área. Apesar de saber que vocês dão toda a atenção do mundo, sempre tem os que ficam debaixo das marquises, em vez de dormir e comer em locais apropriados”, disse, referindo-se aos abrigos e Centros Pop da FAS.

Há sete anos nas ruas e usuário do abrigo e do Centro Pop Plínio Tourinho, Manoel Pedro David também pegou um dos folhetos distribuídos pela educadora social Elaine Pereira. “Outros como eu podem querer ir pra lá e não sabem como. Aí eu mostro esse papel”, disse ele. Pouco depois, aceitou o convite da educadora social e subiu na kombi que o levaria à unidade de atendimento que oferece banho, alimentação e atividades lúdicas e culturais. 

Fundação de Ação Social

Rua Eduardo Sprada, 4520|3350-3500|CEP 81270010|Curitiba - PR|Todos os direitos reservados|Política de Privacidade

Desenvolvido por ICI - Instituto das Cidades Inteligentes